Uma lista fora da caixa!

Mercado Gastronômico

Sérgio Augusto Carvalho

O site americano TasteAtlas divulgou, em dezembro, a suas listas de melhores e piores da culinária mundial em 2023. A melhor e a pior cozinha, a melhor e a pior comida, o melhor e o pior prato…

Várias curiosidades atraem a atenção de quem entra na pesquisa pelas polêmicas criadas a partir das escolhas. Se a intenção do Site era polemizar, acertou em cheio. 

Quem acessa a Pesquisa completa vai ter o que pensar por muito tempo. Evidentemente, nós aqui vamos direto na lista de “Melhores Cozinhas do Mundo”. Foram classificados 100 países, e o Brasil ocupou um honroso 12º lugar numa lista encabeçada pela Itália, que foi seguida (em ordem) pelo Japão, Grécia, Portugal, China, Indonésia, Mexico, França, Espanha, Peru, Índia e nosso glorioso país!

Os europeus contestaram a classificação da França como oitava cozinha do mundo, perdendo posição mais honrosa para México, Indonésia e Grécia. Na verdade, é muito difícil fazer uma classificação deste tipo usando critérios populares. Isto é, se a fama da cozinha tem relação com a aceitação pelo público e pela crítica internacional. A cozinha francesa é muito mais aceita e elogiada no mundo inteiro que a mexicana, indonésia e até mesmo a grega, que tem suas raízes presentes em grande parte da gastronomia francesa (não apenas na culinária). 

Prefiro acreditar que a definição dos colocados até o sétimo lugar tenha sido decidida no Fotochart. Se ninguém contesta a posição da Itália em primeiro lugar, os outros seis colocados poderiam dividir o segundo lugar e a polêmica seria menor. 

O 12* lugar do Brasil nessa lista é incontestável pela classificação alcançada por outros países de cozinha bem mais tradicionais e famosas que a nossa – tipo Turquia, Líbano, Hungria, Rússia, Korea, Suíça e outras mais.  

As 100 Melhores Cozinhas do Mundo, segundo a TastAtlas são estas:

As 100 Melhores Cozinhas do Mundo, segundo a TastAtlas são estas

Para o Brasil, o principal destaque – e motivo de orgulho, também polêmico! – foi a escolha da picanha como “Melhor Comida do Mundo”(Best Dishes in the World). Esta escolha parece que põe fim a uma antiga discordância entre brasileiros e argentinos: a picanha é deles ou é nossa. Tudo porque, lá a picanha chama-se tapa de cuadril e é tirada da ponta da chã, como aqui – só que os açougueiros espertinhos tupiniquins gostam de aumentar o seu tamanho e peso cortando acima para pegar um pedaço da chã (preço menor) e transformá-la em picanha. 

O nome “picanha”, na Argentina, é pouco conhecido (até por ciúmes). Essa denominação brasileira não é velha. Nasceu entre os anos 50 e 60, na antiga Churrascaria Bambu, em São Paulo, que encomendava suas carnes na Argentina e cobravam o olho da cara por um corte portenho. Certa vez, veio um corte que eles não pediram e o chef do restaurante resolveu aproveitar a carne, gorda e comprida, para fazer uma experiência. Cortou a ponta dessa carne, grelhou e serviu o playboy famoso na época, Baby Pignatari. 

Acompanhada de batatas fritas, a carne deixou Pignatari empolgado. Chamou o chef e perguntou que carne era aquela. Ele respondeu: “é a parte onde se pica la aña”(‘aña’é um espeto usado para cutucar bois). “Pica La Aña” virou PICANHA!

Pois a nossa gloriosa picanha desbancou verdadeiros Ícones da cozinha mundial, como a Pizza Napoletana, Shashlik, Papardelle com Cinghiale (javali), Raclete, Parmigiana, Risotto ai Funghi Porcini, Bisteca alla Fiorentina, Ceviche, Chateaubriand e Pesto Genovês – entre outras tantas delicias mundiais. 

Neste quesito, a grande injustiçada foi, novamente, a França, com menos pratos incluídos até mesmo que o Brasil – que ainda emplacou o vatapá, escondidinho e tutu de feijão entre as 100 melhores comidas do mundo. Este é um detalhe que pode manchar a idoneidade deste ranking…

As 100 Melhores Cozinhas do Mundo, segundo a TastAtlas são estas.

Mais motivos para discussão é a lista de “Melhores Cidades para se Comer no Mundo”. Mais uma vez, a França tem motivos para duvidar do TasteAtlas Awards 2023: Paris, a Meca da cozinha contemporânea no mundo, abiscoitou apenas o 14º lugar, atrás até de …. Bueno Aires (13º)!!!

Pelo Site, as 10 Melhores Cidades onde se come bem no mundo são: 1) Roma; 2) Bologna; 3) Nápoles; 4) Viena; 5) Tokio; 6) Osaka; 7) Hong Kong; 8) Turim; 9) Gaziantep (Turquia); 10)Bandung (Indonésia).

Outros centros: 14) Paris; 20) Lima; 29) Santiago do Chile; 31) São Paulo; 32) Bogotá; 34) New York; 43) Rio de Janeiro; 54) Lisboa; 55) Recife; 66) Salvador; 84) Belo Horizonte; 94) Barcelona.

As referências do TasteAtlas para identificar Belo Horizonte como uma cidade onde se come bem no mundo são interessantes, também. Comidas: coxinha, churrasco, X-Tudo e pão de queijo. Restaurantes: Nonô, Rei do Mocotó; Queijaria; Boca do Forno; Baby Beef; Baiana do Acarajé.

Com esta eu me vou.

Que as notícias sejam melhores em 2024 para todos nós!

Saúde!!!

*[email protected]

MERCADOCOMUM estará circulando em dezembro com uma edição especial impressa e outra eletrônica trazendo matérias sobre os premiados, as empresas/instituições e personalidades, destacando a relevância da premiação para a economia e o desenvolvimento de Minas Gerais. Cabe ainda ressaltar a importância da realização desse evento, que reúne expressiva parcela formadora do PIB mineiro e obtém ampla repercussão da mídia em geral. Nesta edição especial constará o descritivo do XXVII Ranking de Empresas Mineiras, listando-se as “500 Maiores Empresas de Minas – 2023” – em ordem alfabética, por setor econômico, receita operacional líquida, resultado, patrimônio líquido e ativos totais.

MercadoComum, ora em seu 30º ano de circulação e em sua 324ª edição é enviado, mensalmente, a um público constituído por 118 mil pessoas formadoras de opinião em todo o país, diretamente via email e Linkedin, Whatsapp/Telegram, além de disponibilizar, para acesso, o seu site www.mercadocomum.com, juntamente com as suas edições anteriores. 

De acordo com estatísticas do Google Analytics Search a publicação MercadoComum obteve – no período de outubro de 2022 a agosto de 2023 – 9,56 milhões de visualizações – das quais, 1.016.327 ocorreram de 14 de agosto a 10 de setembro/2023.

Tráfego orgânico MercadoComum bY SEO MUNIZ

O XXV Prêmio Minas – Desempenho Empresarial – Melhores e Maiores Empresas – MercadoComum – 2023 conta com o apoio da ACMINAS – Associação Comercial e Empresarial de Minas; ASSEMG – Associação dos Economistas de Minas Gerais; Fórum JK de Desenvolvimento Econômico; IBEF – Instituto Brasileiro de Executivos de Finanças de Minas Gerais e MinasPart- Desenvolvimento Empresarial e Econômico Ltda

O prazo para reserva de espaço para as publicidades na edição especial de MC será até o dia 31 de outubro e, a entrega de materiais, até o dia 16 de novembro.

As empresas agraciadas que participarem desta premiação, através da veiculação de uma página de publicidade na edição especial impressa e eletrônica, bem como no site desta publicação, além de um descritivo institucional sobre as mesmas receberão, também, um diploma impresso em papel especial, um troféu em aço inox e terão direito, adicionalmente, a uma mesa exclusiva de 8 lugares para a solenidade de premiação e jantar de confraternização. Também participarão de um almoço especial que ocorrerá em dezembro, em Lagoa Santa-MG, em homenagem aos agraciados.

Rota

Sua localização:

Mercado Comum: Jornal on-line - BH - Cultura - Economia - Política e Variedades

Rua Padre Odorico, 128 – Sobreloja São Pedro
Belo Horizonte, Minas Gerais 30330-040
Brasil
Telefone: (0xx31) 3281-6474
Fax: (0xx31) 3223-1559
Email: revistamc@uol.com.br
URL: https://www.mercadocomum.com/
DomingoAberto 24 horas
SegundaAberto 24 horas
TerçaAberto 24 horas
QuartaAberto 24 horas
QuintaAberto 24 horas
SextaAberto 24 horas
SábadoAberto 24 horas
Anúncio